” O micróbio não é nada, o terreno é tudo “

O hospedeiro apenas se aloja no organismo quando o meio reunir todas as condições favoráveis ao seu crescimento, o que quer dizer que vocês só ficam doentes se o vosso meio (sistema imunitário/saúde) assim o permitir.

Béchamp, o grande defensor da teoria celular em que prioriza mais o meio (sistema imunitário/saúde) que propriamente o agente agressor, pensa-se ter dado força ao insight de Louis Pasteur pouco tempo antes da sua morte “ O micróbio não é nada, o terreno é tudo” que resume numa frase o que acabei de escrever acima.

Aliás, esta seria uma frase brilhante para um mantra televisivo, acredito que em muito pouco tempo teríamos pessoas mais saudáveis e lúcidas essencialmente se fosse em horário nobre, momento em que as nossas ondas cerebrais estão mais susceptíveis a gravar tudo o que nos dizem.

Infelizmente observo e constato tantas e tantas medidas que vão a favor de um sistema imunitário cada vez mais enfraquecido, tudo focado no agente e zero no meio.

Se os agentes fossem verdadeiramente a única causa de tudo acontecer já estaríamos todos num outro plano.

Serei sempre a favor de Criar Saúde, de ensinar e relembrar ás pessoas que elas próprias têm esse poder dentro delas, não serei a favor de uma sociedade doente desprovida da sua própria verdade, autoridade e liberdade.

Agentes microbianos sempre existiram e vão continuar a existir, este não será o último.

A solução, está no meio a partir de dentro e não fora. Não foi por acaso que mudei todo o meu modo de actuar na Podologia e na Saúde, de onde nasceu meu método Criar Saúde.

Não tenho o poder de mudar o mundo mas posso contribuir a cada dia, para a criação de um nova saúde com cada pessoa que se cruza comigo.

Se cada um fizer a sua parte acreditem que estamos realmente a Criar um Novo Mundo!

Com Amor e Luz ♥️

O que é a Alma?

Pelo menos um Corpo Físico, creio que não há dúvidas que o temos e que existe. Faz parte do palpável, do concreto e tangível.

Fomos treinados para a visão do concreto, do óbvio e palpável e com o tempo fomos nos desligando dos corpos subtis, aqueles sem tempo e sem forma. Aqueles que não são palpáveis, que não lhes sentimos o toque, o cheiro nem muito menos lhes podemos tirar as medidas.

O Corpo Mental, com ligação á mente, á lógica, pensamentos e raciocínio. De todos que vou mencionar a seguir, talvez este seja o de mais fácil compreensão e aceitação da sua existência, por estar ligado á lógica, á razão, ao raciocínio ao pensamento. Cada vez mais se fala em abrandar o fluxo de pensamentos,  uma mente limpa é um corpo são.

Já o Corpo Emocional, é o corpo ligado ás nossas emoções a tudo que sentimos a partir de dentro de nós. Muitas pessoas têm consciência plena desta ligação e envolvimento mas as pessoas mais ligadas ao corpo mental, criam mais resistência ligarem-se ás emoções, assumem que quem manda aqui é a mente e ponto.

Avançando no mais subtil temos o Corpo Energético, e de mais difícil compreensão e aceitação para a mente.

Reparem só que á medida que vamos aumentando a subtileza das coisas mais difícil se torna a compreensão, entendimento ou aceitação de quem está mais ligado ao corpo mental. Aqui, o ego mete sempre o dedo, quer certezas, provas visíveis e palpáveis fazendo cair por terra todo o mundo da subtileza, do não concreto, do intangível, não palpável mas sentido. Quando falo de corpo energético estou a falar de meridianos trabalhados na acupuntura ou dos chakras, os centros energéticos do nosso corpo.

Por último e creio que o menos compreendido e aceite, na sua maioria é o Corpo Espiritual. Aqui, falo do nosso espírito, da Alma.

E o que é a Alma? A resposta é muito simples, é aquilo que Anima o nosso corpo físico e palpável mesmo quando estamos inconscientes. É incrível por exemplo como culturalmente o nosso Fado nos liga tanto á Alma e separamo-nos dela na Saúde.

A maior parte dos sintomas não têm a sua causa no corpo físico, o que vemos e sentimos no físico é apenas o resultado, o efeito da causa que teve a sua origem em fluxos subtis. Se queremos realmente Criar Saúde e não doença, não podemos dissociar estes corpos, é preciso deixar de olhar para as pessoas como se fossem apenas um corpo físico, desprovidas de pensamentos, emoções, energia, de uma Alma e que trazem consigo uma história de vida. É tão necessário e diria até urgente, criar uma nova saúde com uma visão macro ligada a um todo.

O que nunca te disseram sobre a saúde!

Ao longo dos anos tenho observado e constatado, que existem grandes crenças relativamente á saúde.

Mais de 90% dos pacientes, acreditam que a sua saúde depende exclusivamente de factores externos. Estão convictos, que a saúde deles depende por completo de nós profissionais de saúde ou, de encontrarem um comprimido milagroso, de factores exclusivamente genéticos ou ainda, da idade cronológica.

Estas são algumas das frases que vou ouvindo constantemente: “A partir dos 40 anos tudo aparece, é normal…; o meu pai ou mãe, tem este problema de saúde eu também vou ter ou já tenho, sou como eles; o meu filho sai ao pai não há nada a fazer, faz parte da vida…”

Expressam estas crenças tão fortes e enraizadas, como se de uma sentença se tratasse, não deixando margem para uma solução, para um crescimento interior ou para escutarem o próprio corpo. Ideias que vão passando com os anos de geração em geração. Não têm consciência deste mundo que vão criando para a sua saúde e para as suas vidas. Na verdade, têm nos vindo a meter estas coisas na cabeça ao longo dos anos a todos nós, fazendo-nos acreditar que não temos qualquer tipo de habilidade de resposta perante a nossa saúde.

Eu própria, em tempos vivi segunda essas ideias, até ao dia em que de diversas formas me foi provado o contrário. Hoje, sei que a minha saúde depende sobretudo de mim própria, da forma como vivo a minha vida, entre outras coisas que abordarei mais á frente. O normal é termos saúde e não doença. Temos toda a responsabilidade sobre a nossa saúde, temos mais poder de nós próprios em criar a nossa saúde, que aquilo que imaginamos ou nos fazem crer.

O meu maior propósito como profissional de saúde, não é tratar sintomas, não é estar focada em números mas sim, em vidas humanas indo de encontra á origem do verdadeiro problema e inspirando os meus pacientes num despertar interior, no poder que eles próprios têm sobre a sua própria saúde. Há resultados incríveis, com muito mais significado e que acrescentam valor, em todas as áreas da vida de cada um deles.

Foto de @paulo.castro.photography

SPA de pés pós-maratona

A consulta de podologia antes da maratona é necessária para preparar os seus pés para esta dura etapa, não só para tratar determinados problemas já existentes mas para prevenção de muitos outros.

Mas muitas das vezes também é urgente recorrer á consulta de podologia após uma maratona, por surgirem diversas complicações como é o caso das entorses, unhas encravadas, traumatismos de pele e unhas, entre muitas outras.

Contudo, após a maratona os nossos pés ficam de tal forma cansados e sensíveis á dor, que precisam imediatamente de um miminho para finalmente relaxarem.

Aqui têm uma receita maravilhosa para um banho de pés:

Ingredientes

1 mão de sal marinho

3L água tépida

1 mão de ervas alfazema e hortelã

Preparação

Envolver todos os ingredientes na água e mergulhar os pés por 10-15 min.

Após uma boa secagem aplique o seu creme hidratante.

 

Purifique a água com palavras amorosas

A água simboliza a vida, purificação, limpeza, força…

Quando penso em água só penso em coisas maravilhosas. A água que me hidrata e me apaga a sede, o conforto de um banho relaxante, a força e tranquilidade que o mar me transmite, a paz dos oceanos, o som das cascatas, a sensação de liberdade quando me deixo caminhar á chuva.

Sou grata diariamente por poder usufruir de todos os seus benefícios milagrosos.

Por considerar um bem precioso na minha vida e por hoje se celebrar o dia mundial da água, escolhi partilhar convosco, uma forma simples e ao alcance de todos nós de purificar a água.

Não vos vou falar do ph ou constituição da água mas sim, de uma outra consciência, um outro olhar.

Podemos purificar a água muito rapidamente expressando apenas palavras positivas. Este é um tema que tem vindo a ser estudado nos últimos anos.

Se pensarmos que o nosso planeta assim como, o nosso corpo, são constituídos por 70% de água, e que as nossas palavras emitem vibrações com um enorme impacto sobre a mesma, isto faz-nos refletir, não só no impacto que estamos a provocar no nosso planeta mas sobretudo, ao nosso corpo e á nossa saúde, quando expressamos palavras negativas, como a raiva ou o ódio.

Assim, o resultado da expressão das nossas palavras quer positivas ou negativas, irá refletir-se ao longo do tempo na nossa saúde e beleza.

A notícia maravilhosa, é que depende única e exclusivamente de nós, o que escolhemos expressar diariamente. Basta apenas expressar, palavras positivas para obtermos mais saúde, beleza interior e exterior em nós mesmos.

Para mim, as palavras Amor e Gratidão, são milagrosas, têm um enorme poder vibracional.

Se querem ter mais saúde e beleza bebam água diariamente mas, façam boas escolhas nas palavras que expressam a cada dia.